Quarta-feira, 14 de Maio de 2008

Jornalista invejoso

 

 

 

 Jornalista      invejoso

 

 

 

 

 

 

 

  A minha raiva ao Jornalista da TVGuia

 

     Não sou muito de comprar revistas do Jet-set, até porque na maioria dos casos o que alguns jornalistas escrevem ou é mentira ou são maldizentes nas suas opiniões, tudo a favor do mercantilismo ou seja, para vender mais revistas.

 

     Embora não as comprando, vou lendo algumas, pois a minha amiga Glória que gosta muito de telenovelas, e também de saber o que se passa no meio artístico, é nessas revistas que vai estando a par de tudo o que se passa embora normalmente erradamente.

 

     Foi o que aconteceu ao ler a revista TV Guia n.º 1528 de 09-05-2008. Deparei nas páginas 12 e 13 com o chamamento Flagra, uma reportagem com Fotos Exclusivas (tipo paparazzi)  sobre um tema que quanto a mim, não tem qualquer interesse para a sociedade, na medida em que se trata de um assunto o mais natural da vida, (a união ente dois homens).

 

     Fiquei danado não com a publicação do facto mas a forma como é descrito. Cheira-me a inveja!

 

     Quanto a mim, é uma falta de respeito pelas pessoas em causa e pelas opções sexuais de cada um, ou então é INVEJA DO JORNALISTA (diga-se escrevinhador). Mas eu passo a explicar:

 

     Na página 13, na parte inferior direita o “invejoso” escreve o texto que transcrevo na íntegra:

 

“O filho do ex-corretor da bolsa Pedro Caldeira anda apaixonado e feliz da vida. Basta reparar no sorriso de Pedro Caldeira Júnior, neste flagra feito ao decorador, há dias, quando foi buscar o seu maridão ao aeroporto de Lisboa … As saudades já deviam ser tantas, que o Caldeirinha encheu-o de beijinhos. Pedro Caldeira Júnior vive há cerca de dois anos em Londres, desde que se apaixonou por um decorador de interiores da alta sociedade que, segundo o próprio faz questão de contar aos seus amigos em Portugal, é milionário.” (in: TVGuia n.º 1528)

 

     Mas desde quando é que o senhor jornalista invejoso foi para a cama com os dois para chamar a um deles de “maridão” colocando ambos na posição dos heterossexuais em que um é o homem e o outro a mulher.

 

     Mais abaixo no seu texto chama ao Caldeira Júnior de “Caldeirinha”.

     Gostava de saber também, quantas vezes comeram no mesmo prato para se lhe dar o direito de o chamar de “Caldeirinha”.

 

     É por estas e por outras que vão surgindo por ai os homofóbicos de trazer por casa e os invejosos, que se escondem atrás das escritas da nossa comunicação social. Uns por inveja dos milhões que cada um tem e outros porque têm medo de serem acusados de Gays.

     Estou farto de dizer que não há necessidade de saírem do armário, mas também para se esconderem, não devem mal tratar desta forma as pessoas que são livres de escolher o seu modo de vida.

 

     Sr. Jornalista, se que botar figura nos flagras, tenha respeito pelas pessoas. É que não está em causa somente as pessoas visadas, como também as famílias das mesmas.

    

     Existiam outras formas de publicar o encontro entre dois amigos no Aeroporto de Lisboa.

 

     Certamente o Caldeira Júnior, como é superior a si, não lhe vai ligar alguma, pois os burros ficam e a caravana passa, e você é mesmo burro.

 

     Porque não deixa os rapazes em paz ?.

 

     Ser gay não é doença, nem vem algum mal ao mundo, embora os padres digam o contrário e quando o dizem é para esconder os pedófilos que por lá devaneiam, esses sim, são doentes, e deviam de ser banidos da sociedade, mas isso é outra história.

 

     Se este caso, se passasse comigo, senhor jornalista, creio que lhe ia às trombas.

 

     Ps: Amigos leitores, espero uma leitura atenta no todo e no entre linhas deste post assim como a vossa opinião como ainda são tratados os Gays pela comunicação social desta terra à beira mar plantada. 

                                 ESTÁ ABERTA A DISCUSSÃO.  

    

 

Nelson Camacho D’Magoito

 

 

 

Estou com uma pica dos diabos:
música que estou a ouvir: Mister Gay
publicado por nelson camacho às 20:30
link do post | comentar | favorito
|
8 comentários:
De João Luiz a 20 de Maio de 2008 às 04:43
Eu também acho que não são formas de se escrever sobre as pessjaoas-
Infelismente ainda temos jornalistas assim- O Nelson tem razão- Certamente o senhor jornalista tem é inveja de não ser como eles abertos na sua vida e ricos
De João Paulo (PortugalGay.PT) a 23 de Maio de 2008 às 22:33
Boa noite,
Como deve ser do seu conhecimento, o seu blog está listado em www.blogayesfera.org.
Seria interessante ter um link de volta visível no mesmo.
Grato,
De nelson camacho a 26 de Maio de 2008 às 20:26
Caro João Paulo
Dei uma vista no PortugalGay.PT " e gostei e como você acha que seria interessante colocar um link vosso nos meus blogs.
Um abraço
De João Paulo (PortugalGay.PT) a 26 de Maio de 2008 às 22:44
Caro Nelso,
Pode colocar um dos banners na zona lateral ou um link de texto... não é nenhuma obrigação, mas ajuda!
De nelson camacho a 28 de Maio de 2008 às 01:19
Meu caro João Paulo
Na vida, nada faço por obrigação. Só faço o que quer que seja porque quero simplesmente ou porque acho que o devo fazer. Já fiz. Como pode ver. Era bom que todos os que se interessam por esta matéria assim o fizessem .
Um abraço
De João Paulo (PortugalGay.PT) a 28 de Maio de 2008 às 12:26
Obrigado pelo apoio
abraços
De Pobre(o)Tanas a 1 de Junho de 2008 às 02:15

As pessoas nada têm mais a fz que mergulhar de cabeça na vida dos outros quando nem nas suas sabem nadar...

Acho umafalta de mau gosto destes jornalistas...E eu que o quero ser fico triste... Aos lesados so posso desejar as maiores felicidades...

Beijinhos
De nelson camacho a 1 de Junho de 2008 às 04:59
Pobre-o-tanas , você não é, pelo contrário, é rico nas palavras e por isso mesmo faz parte dos meus amigos. Obrigado pelo seu comentário e se quer ser jornalista só tem que ser honesto com os outros o que você já é certamente. O tal jornalista invejoso nada mais é que um mau exemplo. Eu por mim, cá vou andando assim que posso dar-lhes a bronca. também para si.

Comentar post sem tretas

.No final quem sou?

.pesquisar

 

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. A busca de ser importante...

. Palavras de Hitler

. Um dia, num lar de idosos...

. Eu era homofóbico

. A prostituição mora no Pa...

. Um amigo colorido

. Namorados

. A Intrusa

. Sábado chato para um amig...

. Um Recado

.arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Janeiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. Sai do armário e mãe pede...

. Eurovisão

. Depois de "All-American B...

. Raptada por um sonho ...

. Crónica de um louco senti...

. Terminei o meu namoro!!‏

. Dois anjos sem asas...

. Parabéns FINALMENTE!!!!

. Guetos, porque não?

. “Porque razão é preciso t...

.A Tua visita conta

web counter free

.Sempre a horas para criticar

relojes web gratis

.Art. 13, n.º 2 da Constituição

Ninguém pode ser privilegiado, benificiado, prejudicado, privado de qualquer direito ou isento de qualquer dever em razão de ascendência, sexo, raça, língua, território de origem, religião, convicções políticas ou ideológicas, instrução, situação económica, condição social ou orientação sexual.
blogs SAPO

.subscrever feeds