Segunda-feira, 9 de Março de 2015

INVERSÃO DE VALORES

CARTA DE UMA MÃE PARA OUTRA MÃE

(Assunto verídico)

Carta enviada de uma mãe para outra mãe no Porto, após um telejornal da RTP 1 – De mãe para mãe

“Cara Senhora, vi o seu enérgico protesto diante das câmaras de televisão
contra a transferência do seu filho, presidiário, das dependências da
prisão de Custóias para outra dependência prisional em Lisboa.
Vi-a a queixar-se da distância que agora a separa do seu filho,
das dificuldades e das despesas que vai passar a ter para o visitar,
bem como de outros* *inconvenientes decorrentes dessa mesma transferência.
Vi também toda a cobertura que os jornalistas e repórteres deram
a este facto, assim como vi que não só você, mas também outras mães
na mesma situação, contam com o apoio de Comissões, Órgãos e Entidades de
Defesa de Direitos Humanos, etc ...
Eu também sou mãe e posso compreender o seu protesto. 
Quero com ele fazer coro, porque, como verá, também é enorme a distância que me separa do meu filho.
A trabalhar e a ganhar pouco, tenho as mesmas dificuldades e despesas para o visitar. com muito sacrifício, só o posso fazer aos domingos porque trabalho (inclusivé aos sábados) para auxiliar no sustento e educação do resto da família.
Se você ainda não percebeu, SOU A MÃE DAQUELE JOVEM QUE SEU FILHO MATOU CRUELMENTE NUM ASSALTO A UMA BOMBA DE CONBUSTÍVEL,
onde ele, meu filho, trabalhava durante a noite para pagar os estudos e
ajudar a família. No próximo domingo, enquanto você estiver a abraçar e
beijar o seu filho, eu estarei a visitar o meu e a depositar algumas flores
na sua humilde campa, num cemitério dos arredores...

Ah! Já me esquecia:
Pode ficar tranquila, que o Estado se encarregará de tirar parte do meu
magro salário para custear o sustento do seu filho e, de novo, o colchão
que ele queimou, pela segunda vez, na cadeia onde se encontrava a cumprir
pena, por ser um criminoso.
No cemitério, ou na minha casa, NUNCA apareceu nenhum representante dessas
"Entidades" que tanto a confortam, para me dar uma só palavra de conforto
ou indicar-me quais "os meus direitos".

Para terminar, ainda como mãe, peço por favor: 
Façam circular este manifesto! 
Talvez se consiga acabar com esta (falta de vergonha) inversão de valores que assola Portugal e não só ...

Direitos humanos só deveriam ser para "humanos direitos"!”

Maria do Céu Ribas Lopes

-----------------------------------  Fim ------------------------------

Asta carta se você for pai ou mãe pode torna-la viral para exemplo de muitos, digo eu….

            Nelson Camacho D’Magoito

                “Estados de alma” (cn-266 )

                  © Nelson Camacho
2015 (ao abrigo do código do direito de autor)

Estou com uma pica dos diabos:
publicado por nelson camacho às 19:54
link do post | comentar | favorito
|

.No final quem sou?

.pesquisar

 

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. A busca de ser importante...

. Palavras de Hitler

. Um dia, num lar de idosos...

. Eu era homofóbico

. A prostituição mora no Pa...

. Um amigo colorido

. Namorados

. A Intrusa

. Sábado chato para um amig...

. Um Recado

.arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Janeiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. Sai do armário e mãe pede...

. Eurovisão

. Depois de "All-American B...

. Raptada por um sonho ...

. Crónica de um louco senti...

. Terminei o meu namoro!!‏

. Dois anjos sem asas...

. Parabéns FINALMENTE!!!!

. Guetos, porque não?

. “Porque razão é preciso t...

.A Tua visita conta

web counter free

.Sempre a horas para criticar

relojes web gratis

.Art. 13, n.º 2 da Constituição

Ninguém pode ser privilegiado, benificiado, prejudicado, privado de qualquer direito ou isento de qualquer dever em razão de ascendência, sexo, raça, língua, território de origem, religião, convicções políticas ou ideológicas, instrução, situação económica, condição social ou orientação sexual.
blogs SAPO

.subscrever feeds