Sexta-feira, 10 de Fevereiro de 2017

Um Recado

Um recado

    Li algures:- “ Nunca pensei muito no amor, talvez porque da única vez que amei, só tirei ilusões e enganos”

    Que grande confusão. Mais adiante diz que “Já nem me lembro como se ama” 

    Pois é!.. Você nunca amou portanto, não sabe o que é isso.

   Amar não é o sentir as borboletas ou passar as tais 25 horas a pensar na tal pessoa ou na cama onde iria ter prazer. Essa coisa do “fogo arde sem se ver” é mera literatura.

  Os corações não batem por amor mas por ter uma “hipertrofia derivado a insuficiência cardíaca­­­­, que é causada por outras razões.

    Quando você olhar nos olhos dessa pessoa e conseguir decifrar o que eles dizem.

   Quando um simples toque ou um beijo no pescoço ambos os corpos estremecerem então sim!.. Isso é o caminho para o amor.

   Por vezes acontece que essa reciprocidade não é plena então algo está errado então não mendigue, pois pode ser simplesmente um afeto ou o medo da outra pessoa se aventurar para a tal reciprocidade. Algo de estranho está a acontecer. Até pode ser uma antiga/o ou familiar ainda recalcada pela sociedade que opine sobre o novo caso.

   Você se continua a queixar-se que nunca amou porque só teve ilusões. Parta para outra.

   Se você se sente bem com a nova pessoa e pensa nela quando está com a apresente não estrague duas casas!.. Livre-se de preconceitos e atire-se de cabeça porque você só tem uma vida e um dia nunca é igual a outro

Por favor Seja feliz.

 

Qualquer semelhança com factos reais é mera coincidência, ou não! O geral ultrapassa a ficção

              Nelson Camacho D’Magoito

              “Recados de vida” (304)

               Para maiores de 18 anos

                   © Nelson Camacho
2017 (ao abrigo do código do direito de autor)

Estou com uma pica dos diabos:
publicado por nelson camacho às 04:46
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De francisco a 10 de Fevereiro de 2017 às 17:31
Interessante recado
De nelson camacho a 11 de Fevereiro de 2017 às 17:04
Obrigado por me ler

Comentar post sem tretas

.No final quem sou?

.pesquisar

 

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. A busca de ser importante...

. Palavras de Hitler

. Um dia, num lar de idosos...

. Eu era homofóbico

. A prostituição mora no Pa...

. Um amigo colorido

. Namorados

. A Intrusa

. Sábado chato para um amig...

. Um Recado

.arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Janeiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. Sai do armário e mãe pede...

. Eurovisão

. Depois de "All-American B...

. Raptada por um sonho ...

. Crónica de um louco senti...

. Terminei o meu namoro!!‏

. Dois anjos sem asas...

. Parabéns FINALMENTE!!!!

. Guetos, porque não?

. “Porque razão é preciso t...

.A Tua visita conta

web counter free

.Sempre a horas para criticar

relojes web gratis

.Art. 13, n.º 2 da Constituição

Ninguém pode ser privilegiado, benificiado, prejudicado, privado de qualquer direito ou isento de qualquer dever em razão de ascendência, sexo, raça, língua, território de origem, religião, convicções políticas ou ideológicas, instrução, situação económica, condição social ou orientação sexual.
blogs SAPO

.subscrever feeds